Google+ Badge

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Livro que debate a mídia e a América Latina será lançado no Lamas, em Belo Horizonte e Nova Lima

O livro A América que não está na mídia, de autoria do jornalista Mário Augusto Jakobskind, Conselheiro da ABI e secretário-geral do SPJERJ (Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, será lançado no próximo dia 13 de outubro, às 20h30m no restaurante Lamas, na rua Marques de Abrantes, 18. No dia 8 de outubro o livro estará sendo lançado em Belo Horizonte, dia 9 em Nova Lima.
Com prefácio do jornalista Flavio Tavares e apresentação do coordenador do MST, João Pedro Stédile, além de comentário de Eduardo Galeano, A América que não está na mídia, editado pela Editora Altadena, aborda questões relativas a vários países da América Latina, geralmente não divulgadas pela mídia convencional, e discute a cobertura jornalística de um continente que está em processo de transformação. A orelha é do saudoso jornalista Fausto Wolff e a capa do cartunista Carlos Latuff.
A América que não está na mídia pode ser adquirido também pelo endereço eletrônico altadena@altadena.com.br.
Jakobskind, além de integrante do Conselho Editorial do jornal Brasil de Fato é correspondente do jornal uruguaio Brecha e nos últimos 25 anos tem se dedicado ao estudo da América Latina, tendo já publicado livros que versam sobre o continente, entre os quais, América Latina – Histórias de Dominação e Libertação.
Xoxoxoxoxoxoxoxoxoxoxox
Jornalista brasileiro receberá título de Cidadão ilustre de Montevidéu
Em outubro, o jornalista Mario Augusto Jakobskind, Conselheiro da ABI, receberá o título de Cidadão Ilustre de Montevidéu, concedido pela Prefeito da capital uruguaia, Ricardo Ehrlich. A homenagem é um desagravo a expulsão do jornalista do Uruguai ocorrida em setembro de 1981, quando o país vizinho era assolado por uma ditadura. Naquele mês do início da década de 80, Jakobskind estava no Uruguai na condição de enviado especial do Cadernos do Terceiro Mundo. A ditadura alegou que o jornalista foi expulso por seus “antecedentes negativos no país de origem”.
Entre os brasileiros que receberam o título de Cidadão Ilustre de Montevidéu encontram-se Pelé e Ziraldo.
Jakobskind também estará lançando no Uruguai o livro Apesar do Bloqueio – 50 anos da Revolução Cubana.

Nenhum comentário: