Google+ Badge

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Campanha pela internet livre e aberta



Leia os 5 princípios da Declaração e assine a petição.   Acreditamos que uma Internet livre e aberta pode trazer um mundo melhor. Para manter a Internet livre e aberta, nós chamamos comunidades, indústrias e países a reconhecer esses princípios. Nós acreditamos que eles vão ajudar a trazer mais criatividade, mais inovação e sociedades mais abertas.

Estamos juntos em um movimento internacional para defender as nossas liberdades, porque acreditamos que vale a pena lutar. Juntos, muitos de nós lutaram para parar o SOPA e o ACTA, e outras tentativas de restringir a liberdade na Internet em todo o mundo. Era um chamado para defendermos a internet livre. No entanto, essas lutas são uma incrível demonstração de como as comunidades da internet em todos os lugares podem inclinar a balança do poder para o povo. E haverá mais lutas.

Cinco princípios básicos são descritos na presente Declaração. Se você concorda com eles, vá em frente e assine a petição:

• Expressão: Não censurar a internet;
• Acesso: Promover o acesso universal às redes rápidas e acessíveis;
• Abertura: Manter a internet uma rede aberta, onde todos são livres para se conectar, comunicar, escrever, ler, ver, falar, ouvir, aprender, criar e inovar;
• Inovação: Proteger a liberdade de inovar e criar, sem permissão. Não bloquear as novas tecnologias, e não punir inovadores pelas ações de seus usuários;
• Privacidade: Proteger a privacidade e defender a capacidade de todos em controlar como os seus dados e os dispositivos são utilizados.

Como uma comunidade, vamos também discutir esses princípios - concordar ou discordar deles, debatê-las, traduzi-los, e ampliar a discussão com a comunidade - como só a internet pode permitir. Você pode interagir com o texto no reddit, Techdirt e Cheezburger. Para ver uma lista de organizações afiliadas, e muito mais,clique aqui. Junte-se conoscos paramanter a Internet livre e aberta.


Assine a petição: https://www.accessnow.org

Nenhum comentário: